ASSOCIAÇÃO FUNDADA EM 1975 --- ÉPOCA 2013/2014 --- AF VISEU 1ªDivisâo Distrital / Zona Norte
Terça-feira, 04 DE Dezembro 2012

 

 

 

O CLUBE NESSECITA DO APOIO DE TODOS NÓS…. 


Venha ver ao vivo o resultado positivo ao negativo do seu clube.. 


Seria muito bom Domingo os jogadores poderem contar com a nossa  presença a equipa necessita de todo o nosso incentivo .


publicado por Administrador às 19:21
 O que é? |  O que é? | favorito



CEIREIROS   3     ARGUEDEIRA   2


         Mais uma jornada a contar par a I Divisão Distrital da Associação de Futebol de Viseu, frente a frente duas formações que já se tinham defrontado esta época no mesmo reduto, num jogo a contar para a Taça de Sócios de Mérito da AF Viseu, saindo vencedor a equipa visitante o Arguedeira. Para este encontro o Arguedeira sabia que era quase como uma desforra para os donos da casa, mas a equipa tinha intenção de conquistar os três pontos, sabendo das condições deste terreno de jogo, adicionados ás condições climatéricas, a equipa entrou decidida e conseguia mostrar com um futebol de boas triangulações e transições que era a melhor equipa em campo nesta primeira parte, levando para o descanso um resultado favorável de uma bola a zero, que pecava apenas por ser escaço derivado ás oportunidades perdidas.

Para o segundo tempo o Arguedeira, entra com a mesma determinação, criando oportunidades claras para marcar, mas não consegue, e vê o azar começar a bater-lhe á porta com a lesão do seu Guarda-redes, num pontapé de baliza o mesmo escorrega e faz uma entorse no pé esquerdo, jogo parado cerca de 10 minutos, após a assistência médica e com a ajuda do massagista no local o mesmo pode continuar em campo, com grande espírito de sacrifício o que é de louvar , pois não havia outro jogador para essa posição. A equipa apesar de todas as contrariedades existentes continuou a efetuar um bom jogo, com a entre ajuda dos seus jogadores que conseguiam fazer o mais difícil, que foi o não marcar o segundo golo.

E como diz o ditado que não marca sofre e assim foi a equipa da casa por duas vezes conseguiu marcar e  dar a volta ao resultado, colocando-se na posição de vencedora com uma ajudinha do senhor juiz da partida, pois o segundo tento foi alcançado em posição de fora de jogo. Reagiu bem a equipa do Arguedeira a mais este contratempo a equipa teve animo e foi atrás do prejuízo e conseguiu repor a igualdade no marcador e não se adiantou novamente para posição de vencedora, porque viu o senhor arbitro da partida anular um lance irrisório, num auto golo que era um frango monumental do guarda-redes da equipa da casa, transforma numa falta sobre o mesmo, provocada pelo seu próprio colega, pois o GR apenas saltou com o seu colega da defesa, e deixou escapara a bola para o fundo da baliza, mas como não basta-se logo de seguida não assinala um fora de jogo de quilómetros e consente que a equipa da casa se coloque outra vez na frente do marcador por três bolas, com esta maldade esmorece a equipa do Arguedeira, que vê o tempo a decorrer e aos 42 minutos de jogo, mais um erro grosseiro da equipa de arbitragem, o senhor juiz da partida manda o seu fiscal mostrar o período de descontos e apenas dá seis minutos, menos de metade do tempo das assistências prestadas ao malogrado guarda-redes Quim. Mas  as cenas caricatas não tinham acabado nesse período de descontos; a primeira sena caricata de mais para quem quer ser um juiz imparcial, conforme o mesmo afirmou,  na marcação de um livre a favor do Arguedeira, junto á sua linha da grande área descaído para o lado direito o senhor juiz da partida interrompeu por 6 vezes a marcação do mesmo,  dizendo que a bola estava colocada fora da zona da falta, com este aparato todo passou-se  ali  dois minutos ou mais, a segunda cena mas esta grotesca   foi quando o lateral esquerdo do Arguedeira sobe em apoio do seu ataque e consegue passar por quatro jogadores do Ceireiros, e já mesmo sobre alinha da área, não passa pelo quinto porque é ceifado sem apelo nem agrado e o senhor arbitro manda seguir o jogo, interrompendo o mesmo para assinalar uma falta existente já no sector de ataque do Ceireiros e para espanto de todos vem a correr mostrar o cartão amarelo, que era o segundo e consequente expulsão ao jogador que tinha sido carregado e que ainda estava a levantar-se a contorcer-se com dores e de seguida mostra outro vermelho direto a um outro atleta por este se manifestar pela expulsão do seu colega se houve algo mais não me apercebi dai o beneficio da duvida neste caso. E o jogo chega ao seu final com ainda um minuto e quarenta  para jogar dos dos descontos concedidos. O resultado é injusto depois de todos os percalços do jogo, por aquilo que os atletas do Arguedeira fizeram mereciam mais, mas não o permitiu a terceira equipa em campo para os quais deixo as referências descritas para os críticos, mau demais.


Espero um resto de Campeonato com uma maior sorte em tudo para o Arguedeira União Desportiva.


Equipa:


 1- Quim  2 Leonel   3 David  5 Teixeira, 6 Ricardo  7  Rodas  8 Toni  11 Alex  19 Miguel  20 Palão 23 Jairo

publicado por Administrador às 18:50
 O que é? |  O que é? | favorito
Dezembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
14
15
16
17
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Ter um amigo ingrato é mais doloroso / do que a mo...
isso mesmo catarina força para voces tdos ....
Culpar os jogadores pela saída do treinador?? isso...
Feliz 2013 ao povo de Arguedeira. Passei para deix...
Ai o Gil e o Quim é que reinavam com o Sr. Ernesto...
por este comentário em cima , só vejo quem poderá ...
Arrependimento de um ser humano, que não pactua co...
Tenho pena de certas palavras que aqui escreveu la...
já foi jogador e director mas pelo que se passava ...
Bom dia, o meu nome é Diogo e sou guarda-redes num...
Posts mais comentados
blogs SAPO